Funcionamento de terça a domingo #MatilhaCultural contato@matilhacultural.com.br

Curso Indígenas Identidades Decoloniais Paulistanas

19 Views

OLHA SÓ O NOSSO “CURSO INDÍGENAS IDENTIDADES DECOLONIAS PAULISTANAS” QUE OCORRERÁ NOS DIAS 09 E 10/11/2019 NO REFERENCIAL ESPAÇO MARTILHA CULTURAL – BEM NO CENTRO DA CIDADE DE SÃO PAULO – RUA REGO FREITAS, 542.
.

Com Casé Angatu – Indígena e Morador no Território Tupinambá em Olivença (Ilhéus/Bahia) na Aldeia Gwarïnï Taba Atã; Docente do Programa de Pós-Graduação em Ensino e Relações Étnico Raciais da Universidade Federal do Sul da Bahia (PPGER-UFSB-Irabuna/BA); Docente da Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC (Ilhéus/BA); Doutor pela FAU/USP; Mestre pela PUC/SP; Historiador pela UNESP; Autor dos Livros: “Nem Tudo Era Italiano – São Paulo e Pobreza na Virada do Século XIX-XX”; Autor do Capítulo “Tupinambá Protagonismos Indígenas: (Re)Existências Indígenas e Indianidades”. In: “Índios no Brasil: Vida, Cultura e Morte”, 2018; do Capítulo “Decolonialidades Indígenas”. In: “Psicologia Política no Brasil e Enfrentamentos a Processos Antidemocráticos”, 2019; Capítulo: “História e Culturas Indígenas – Alguns Desafios no Ensino e na Aplicação da Lei 11.645/2008”. In: Revista História & Perspectiva da Universidade Federal de Uberlândia-UFU

&

Participação Especial: Binho Porãn Tupinambá da Aldeia Gwarïnï Taba Atã

Serão dois dias de curso:

– 09/11/2019 – PRIMEIRO DIA: Aula com Cantorias no Matilha Cultural (Sábado, das 9h00 às 17h00) – RUA REGO FREITAS, 542.

10/11/2019 – SEGUNDO DIA: Aula de Campo (Domingo, das 14h00 às 16h00) No Centro da Cidade de São Paulo, partindo do Páteo do Colégio e caminhando por Territórios que são vestígios da presença indígena em São Paulo.
.

. 10/11/2019 – ATO RITUAL PELO CANCELAMENTO DO PROJETO ECOCÍDA “RESORT DO GRUPO VILA GALÉ” NA TERRA INDÍGENA TUPINAMBÁ DE OLIVENÇA, PELA DE DEMARCAÇÃO DA TERRA INDÍGENA TUPINAMBÁ E DE TODO OS TERRITÓRIOS INDÍGENAS E REPÚDIO AO ASSASSINATO DO INDÍGENA PAULO PAULINO GUAJAJARA! – QUANDO: dia 10/11/2019 (domingo) às 16:00. LOCAL: Enfrente ao Páteo do Collégio – Centro da Cidade de São Paulo
.

INSCRIÇÕES/INFORMAÇÕES:
– Facebook: Casé Angatu Xukuru Tupinambá ou Casé Angatu Xukuru Tupinambá II
– carlos.josee@uol.com.br
– (11) 9 8126-6186 ou (71) 9 9194-0989
.

Nesta nova versão do curso (um curso que tem mais de 10 anos), além de estarmos no importante espaço do Martilha Cultural, cada vez mais nos aprofundaremos nos caminhos conceituais da decolonialidade dos saberes e em novas pesquisas sobre a presença indígena na Cidade de São Paulo – temos dados e fontes novas.
.

Além disso, trataremos da atual situação da Luta dos Povos Indígenas e dos ataques que sofremos, bem como a Natureza Sagrada.
.

Uma outra novidade é que no início e durante o Curso faremos Rodas de Cantorias Indígenas Ancestrais.
.

Assim, caso deseje entender mais da história dos Povos Indígenas, suas Lutas, Culturas, Memórias e Presença na constituição passada e presente da Cidade de São Paulo … faça nosso Curso.
.

SOMOS IGUAIS AS ABELHAS … VIVEMOS DO MEL QUE PRODUZINOS
.

CONTRIBUIÇÃO
R$ 100,00

OBS: Para os Parentes que desejarem fazer o curso não precisa pagar nada. Além disso, também serão considerados realizadores do curso.

* Esta contribuição decorre das despesas com viagem, estadia e luta. Vale observar que moramos no Território Indígena Tupinambá de Olivença, localizado em Ilhéus/BA.
.

Fazemos parte de um Coletivo de Índios Autonomistas que não é financiado e nem deseja apoio financeiro de estados, instituições, ongs e igrejas.
.

Os custos com nossas viagens, estadias, transportes e alimentações depende de nossos aliados, desta contribuição com o curso e do artesanato que vendemos.
.

A maioria das atividades (quase todas) que participamos não remuneram. Nada contra até porque, novamente, faremos várias atividades sem remuneração em diferentes escolas e espaços na cidade – depois divulgaremos as atividades.
.

Nosso curso é uma tentativa de divulgar nossa Luta, conseguir novos aliados, fortalecer os que já são aliados e fortalecer os Parentes.
.

Pense que o curso é fruto de uma construção que tem anos (são mais de 10 anos deste curso) e seus conteúdos são perenes a exemplo do material didático acadêmico que todas/todos recebem. Porém, este valor não é um impeditivo para realização do Curso. Todas e todos serão bem recebidos.
.

Assim, fazendo o curso ou divulgando será um baita presente para este aniversariante aqui.
.

DURANTE O CURSO ESTAREMOS VENDENDO:

– Artesanato: colocares, maracás, etc

– Farinha de Mandioca

– Óleo de Coco

– Azeite de Dendê

– Livros de Casé:
. ANGATU, Casé. “Nem Tudo Era Italiano – São Paulo e Pobreza na Virada do Século XIX – XX (1890-1915)” – 4a. Edição (um livro escrito à 20 anos atrás), 2018

. ANGATU, Casé e TUPINAMBÁ, Ayra. “Tupinambá Protagonismos Indígenas: (Re)Existências Indígenas e Indianidades”. In: CARNEIRO, Maria Luiza Tucci e ROSSI, Mirian Silva (Orgs.) Índios no Brasil: Vida, Cultura e Morte, 2019
.

“POR UM MUNDO ONDE CAIBAM VÁRIOS MUNDOS”!
.

“JÁ SOMOS UM OUTRO MUNDO POSSÍVEL”!
.

DEMARCAÇÃO JÁ !
.

AWÊRÊ AIÊNTÊN !!!