Em exibição no Cine Matilha Com os Punhos Cerrados, de Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti

  • Published in Cinema

 

A partir de 25 de abril em exibição no Cine Matilha um filme de  Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti.

 

Sinopse: De uma estação clandestina, Eugenio, Joaquim e João invadem a transmissão de rádios tradicionais com poesia, música e provocações. Eles clamam por liberdade e planejam atos subversivos, o que começa a incomodar um poderoso magnata.Elenco :Luiz Pretti, Pedro Diogenes, Ricardo Pretti, Samya de Lavor, Rodrigo Capistrano, Uirá dos Reis e Guto Parente 

 

Ficha Técnica

 

Roteiro e Direção Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti

Assistente de Direção Julia de Simone

Nacionalidade Brasil

Ano: 2014

Duração: 74min)

 

Programação 

 

Abril: 

 

Dia 25/04 ás 19h

Dias 26 e 27/04 ás 20h40

Dia 29/04 ás 15h

 

Maio:

 

Dia 02/05 ás 12h30 (Inauguração do cine Matinal) 

Ainda dia 02/05 ás 17h e 18h30 [sessão Tripla]

Dia 03/05 ás 20h40

 

 

Sobre o Cine Matilha:

O Cine Matilha é um ambiente "pet-friendly" e recebe constantemente o público com seus pets . O espaço possui 68 lugares, além de 2 lugares para cadeirantes. 

Programação totalmente gratuita

Read more...

Eu Daniel Blake no CineMatilha

  • Published in Cinema

Em exibição no CineMatilha Eu, Daniel Black de ken Loach

 

SINOPSE E DETALHES

Após sofrer um ataque cardíaco e ser desaconselhado pelos médicos a retornar ao trabalho, Daniel Blake (Dave Johns) busca receber os benefícios concedidos pelo governo a todos que estão nesta situação. Entretanto, ele esbarra na extrema burocracia instalada pelo governo, amplificada pelo fato dele ser um analfabeto digital. Numa de suas várias idas a departamentos governamentais, ele conhece Katie (Hayley Squires), a mãe solteira de duas crianças, que se mudou recentemente para a cidade e também não possui condições financeiras para se manter. Após defendê-la, Daniel se aproxima de Katie e passa a ajudá-la.  Não recomendado para menores de 12 anos. 1h 41min.

 

FICHA TÉCNICA

Direção: Ken Loach

Elenco: Dave Johns, Hayley Squires, Dylan McKiernan 

Gênero Drama

Nacionalidades Reino Unido, França, Bélgica

 

Data de lançamento 5 de janeiro de 2017 

 

Programação:

 

Abril:

 

Dias 13, 14 e 15/04 ás 17h e ás 19h - Sessão Dupla

Dia 20/04 ás 19h 

Dia 21/04 ás 17h

Dia 22/04 ás 19h  

Dias 26/04 á 27/04  ás 19h

Dia 28/04  ás 17h 

Dia 29/04  ás 20h

 

Maio:

 

Dia 03/05 ás 19h

Dias 04 e 05/05 ás 17h 

Dia 10/05 ás 19h 

Dia 17/05 ás 19h

Dia 18/05 ás 17h 

Dias 19 e 20/05 ás 19h

 

 

 

Read more...

A partir de 22 de março, Eu Não Sou Seu Negro em exibição no Cine Matilha

  • Published in Cinema

 

 "Indicado ao Oscar de Melhor Documentário de Longa-Metragem" 

 

 

Sinopse:

Narrado por Samuel L. Jackson, o documentário constrói uma reflexão sobre como é ser negro nos Estados Unidos. Em 1979, James Baldwin iniciou seu último livro, “Remember This House”, relatando as vidas e assassinatos dos líderes ativistas que marcaram a história social e política americana: Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Jr. Baldwin não foi capaz de completar o livro antes de sua morte, e o manuscrito inacabado foi confiado ao diretor Raoul Peck, que combina esse material com um rico arquivo de imagens dos movimentos Direitos Civis e Black Power, conectando essas lutas históricas por justiça e igualdade com os movimentos atuais que ainda clamam os mesmos direitos.

 

Ficha Técnica:

 

EUA | 2016 | 1h 32min. | Documentário |

 

Direção: Raoul Peck

Roteiro: James Baldwin, Raoul Peck

Produção: Raoul Peck, Rémi Grellety, Hébert Peck

Elenco: Samuel L. Jackson

Lançamento: 4 de fevereiro de 2017 (Brasil)

 

Programação:

 

De 22 de março á 8 de abril, SESSÕES DUPLAS, segue horários:

 

Dias 22, 23 e 24/03 ás 17h e ás 18h:50min

Dia 25/03  ás 15h e ás 20h 

Dias 29, 30, 31/03 e 01/04 ás 17h e ás 19h 

Dias 05, 06, 07 e 08/04 ás 17h e ás 19h

 

 Programação Prorrogada 

 

Abril

 

Dias  19, 20 e 21/04 ás 19h - 22/04 (Sábado) ás 17h

Dia 25/04 (3ª feira) ás 17h e ás 19h Sessão Dupla

Dias 26 e 27 ás 17h - 29/04 (Sábado) ás 15h

 

Maio

 

Dia 03/05 ás 17h

Dia 04/05 ás 19h

Dia 17/05 ás 17h

Dia 18/05 ás 18:30h

Dia 19/05 ás 19h 

Dia 20/05(sábado) ás 15h e as 17h Sessão Dupla 

 

 

 

Read more...

Já em prévia ao mês da mulher, Em exibição o Filme “Assim que abro meus olhos” no Cine Matilha.

  • Published in Cinema

A partir do dia 22/02, faremos a exibição do primeiro filme da Diretora Leyla Bouzid.

Filme tunisiano, que foi indicado a melhor ficção estrangeiro sobre a primavera árabe no Oscar.

 

SINOPSE

Túnis verão de 2010, poucos meses antes da revolução. Farah tem 18 anos e est á recém-formada, mas sua família já a vê como uma futura médica. Ela, no entanto, não pensa da mesma forma e tem como atividade preferida cantar em uma banda de rock engajada, com músicas que abordam temas políticos. Seu único plano no momento é aproveitar a vida intensamente, beber, descobrir amores e sua própria cidade durante a noite. Tudo isso contra a vontade de sua mãe Hayet, uma mulher que conhece muito bem a Tunísia e os seus perigos. Prêmio do Público no Venice Days, Festival de Veneza.

FICHA TÉCNICA

Duração: 102 min

Título Original: A peine j 'ouvre les yeux 

Direção: Leyla Bouzid

Pais: Tunísia/França/Bélgica

Ano: 2015

ELENCO E EQUIPE

Direção - Leyla Bouzid 
Roteiro - Leyla Bouzid e Marie-Sophie Chambon 
Produtores - Sandra da Fonseca e Imed Marzouk 
Elenco - Baya Medhaffer, Ghalia Benali, Montassar Ayari, Aymen Omrani, Lassaad Jamoussi, Deena Abdelwahed, Youssef Soltana, Marwen Soltana, Najoua Mathlouthi, Youness Ferhi, Fathi Akkeri e Saloua Mohammed 
Música Original - Khyam Allami 
Direção de Fotografia - S
 ébastien Goepfert 
Montagem - Lilian Corbeille 
Som - Ludovic Van Pachterbeke 
Mixagem de Som - Ré
 mi Gérard 
Coprodutor - Anthony Rey 
Produtores Associados - Nathalie Mesuret e Bertrand Gore 
Coprodução - H
 élicotronc 
Produção - Blue Monday Productions e Propaganda Production 
Distribuição Nacional - Supo Mungam Films

 

Veja também Entrevista com Leyla Bouzid

 

Programação por semana:

22/02 à 25/02  ás 19h 30min. Sessões CANCELADAS nos dias 24/02 e 25/02

Sessões duplas

01/03 à 04/03 ás 17h e as 19h

09/03 ás 17h

 

 

Read more...

Retomada do CineMatilha, dia 9 de Fevereiro.

  • Published in Cinema

 

Dia 09 de fevereiro n Cine Matilha, retornamos  com o filme "COMO VOCÊ É" de Miles Joris-Peyrafitte. 

 

 

SINOPSE

Jack (Owen Campbell)  é um estudante do ensino médio que vive com sua mãe solteira Karen em uma cidade suburbana dos Estados Unidos, nos anos 90. Ele não tem amigos e não se encaixa em nenhum grupo, até que o novo namorado de sua mãe, muda-se para sua casa e traz junto seu filho Mark (Charlie Heaton, o Jonathan da série "Stranger Things" ). Jack e Mark conectam-se rapidamente e formam uma forte amizade, junto com Sarah (Amandla Stenberg), que conhecem após um encontro casual. Os tr ês adolescentes tornam-se a salvação um para o outro até que mudanças acontecem e segredos vem  à tona, os forçando a olhar para si mesmos e ver até onde estão dispostos a viver a vida que escolheram. Prêmio Especial do J úri Festival de Sundance 2016.

ELENCO

Owen Campbell (Jack)

Owen participou de filmes como "White Lightnin' " (Sundance, 2009), "A Condenação" (Toronto, 2010), "Garotas Inocentes" (Sundance, 2013). E também nas séries "Boardwalk Empire" e "The Americans". Em"Como Você É", Owen tem seu primeiro papel de protagonista no cinema interpretando Jack.

Charlie Heaton (Mark)

Charlie nasceu e foi criado em uma pequena cidade no norte da Inglaterra. Deixou a escola aos 16 anos e se mudou para Londres para tentar a carreira de músico. Ele entrou em uma banda de punk rock, Comanechi, e participou de uma turnê pelo mundo, e também gravou um álbum como baterista.

De volta a Londres, Charlie conseguiu alguns papéis em comerciais e em séries de TV. Em 2015 foi para Los Angeles e filmou "Refém do Medo" com Naomi Watts. Tamb ém conseguiu seu primeiro papel como protagonista no filme "Como Você É", interpretando Mark. Logo depois participou da série "Stranger Things", grande sucesso da Netflix. Atualmente, está filmando a segunda temporada.

Amandla Stenberg (Sarah)

Amandla gahou reconhecimento por seu papel em "Jogos Vorazes". Ela interpretou a personagem Rue e ficou marcada na memória de muitos que assistiram ao filme, além de ganhar e ser indicada a alguns prêmios.  Em "Como Você É", Amandla interpreta Sarah. O filme esteve na Seleção Oficial do Festival de Sundance e recebeu o Prêmio Especial do Júri.

Além de atuar, Amandla também tem sido globalmente elogiada por suas ações em melhorar a sociedade, usando as mídias sociais como plataforma para difundir a consciência social. Ela tem compartilhado ensaios sobre tópicos como apropriação cultural, feminismo interseccional, identidade biracial e padrões de beleza, para citar alguns. Por sua sabedoria, Amandla foi nomeada uma das adolescentes mais influentes de 2015 pela revista TIME e nomeada para celebridade feminista do ano de 2015 pela Ms. Foundation for Women. Além disso, a revista DAZED declarou Amandla como "uma das vozes mais incendiárias da sua geração" quando ela esteve na capa da publicação de Outono de 2015. Amandla está trabalhando em seu novo filme, "Everything, Everything" dirigido por Stella Meghie.

Mary Stuart Masterson (Karen)

Mary Stuart Masterson tem mais de três décadas de trabalho em cinema, TV e teatro, incluindo "Caminhos Violentos" (1986, contracenando com Sean Penn e Christopher Walken), "Alguém Muito Especial"(1987, escrito por John Hughes), "Quase uma Família" (1989, Mary Stuart foi premiada com o National Board of Review por seu papel no filme), "Tomates Verdes Fritos" (1991, contracenando com Kathy Bates e Jessica Tandy), "Benny e Joon: Corações em Conflito" (1993) e o musical da Broadway, "Nine" (nomeada ao Tony Award). Mary Stuart também dirigiu o filme "Doces Encontros" (2007), com Kristen Stewart e Melissa Leo. Em "Como Você É", ela interpreta Karen, mãe de Jack, um dos protagonistas do filme.

Scott Cohen (Tom)

Scott Cohen é um ator conhecido por seus papéis no cinema, TV e teatro. Um ator muito versátil, Cohen ganhou elogios por sua ampla gama de performances. Alguns dos filmes que participou são: "Alucinações do Passado" (1990), "Beijando Jessica Stein" (2001), na séria "Gilmore Girls", "Estão Todos Bem" (2009), "Amor e Outras Drogas" (2010), "Plano de Fuga" (2012) e "James White" (2015). Em "Como Você É", Scott interpreta Tom, pai de Mark.

John Scurti (Detetive Erickson)

John participou de mais de 40 projetos para cinema e TV. Alguns destaques são: "O Sorriso de Mona Lisa" (2003), "Guerra dos Mundos" (2005) e as séries "Dr. House", "House of Cards" e "Luke Cage". Interpreta o detetive Erickson no filme "Como Você É".

BIOGRAFIA DO DIRETOR

Miles Joris-Peyrafitte é um cineasta, escritor, ator e músico de 23 anos. Dirigiu diversos clipes musicais para artistas como My Goodness, Eric Slick e Skinnybones. Seu primeiro longa, COMO VOCÊ É (As You Are), que escreveu e dirigiu, estreou na competição oficial do Festival de Sundance 2016 e recebeu o Prêmio Especial do Júri.

 

A programação de 9 a 25 de fevereiro será:

 

09/02 a 11/02   -  17h e ás 19h

 

12/02  -  18h

 

15/02 a 18/02  -   17h e ás 19h

 

21/02 a 25/02  -  17h30 e ás 19h

Sessões CANCELADAS nos dias 24/02 e 25/02



 

 

 

Read more...

O Cineclube Salada de Cinema exibe SÃO PAULO EM HI-FI,de Lufe Steffen, no Cine Matilha

  • Published in Cinema

Dia 26 de Novembro, Cine Debate com Thales Coimbra sobre o filme São Paulo em Hi-Fi, de Lufe Steffen, as 16h 

 

Sobre o filme. 
Documentário histórico que resgata a era de ouro da noite gay paulistana, fazendo uma viagem pelas décadas de 1960, 70 e 80 – a bordo das lembranças de testemunhas do período, trazendo à tona as casas noturnas que marcaram época, as estrelas, as transformistas, os heróis, e até os vilões: a ditadura militar e a explosão da aids. O projeto nasceu durante as gravações de outro documentário: A VOLTA DA PAULICEIA DESVAIRADA, de 2012 e dirigido pelo cineasta Lufe Steffen, filme que retrata a noite gay na cidade de São Paulo nos dias atuais. (1h 41min). 2013

Data: 26 de Novembro de 2016
Horário: 16h
Local: Cine Matilha - Rua Rego Freitas, 542 – São Paulo
Wi-fi grátis


Entrada livre e gratuita, inclusive para cães

Debate após o filme.
Sobre Thales Coimbra
Thales Coimbra é advogado militante e especialista em direito LGBT (OAB/SP 346.804). Obteve o título de bacharel e também de mestre pela Faculdade de Direito da USP, onde, entre os anos de 2009 e 2015, fundou e coordenou o Grupo de Estudos em Direito e Sexualidade. Também atuou entre 2015 e 2016 como advogado do Centro de Cidadania LGBT Arouche da Prefeitura de São Paulo. É palestrante e escreve para os portais A Capa e NLucon. www.thalescoimbra.com.br

 

 

Read more...

O Cine Matilha Orgulhosamente realiza sua 1ª Mostra de Filmes Independentes

O Cine Matilha exibe de 15 de novembro a 18 de dezembro os filmes selecionados na 1ª Mostra de Filmes Independentes. Após dois anos da Chamada Pública, esta será a primeira edição. No total, foram 411 inscritos e 77 selecionados pela curadoria do Cine Matilha, realizada por parceiros do espaço.

 

O principal objetivo do projeto é dar a oportunidade a filmes e diretores exibirem suas obras, mesmo sem contar com uma distribuidora de peso. Neste ano, a Chamada Pública recebeu filmes de todo o Brasil, além de países como Angola, Argentina, Cabo Verde e Portugal.

 

A maioria dos filmes recebidos está nas categorias documentário e ficção. Dentre os programados, temos Aluga-se, de Marcela Lordy, participante da 13° Edición del Festival Internacional De Cine De Martil e do Festival Internacional De Cine De Huesca. Da mesma diretora, estão programados também Sonhos de Lulu e A musa Impassível. Outros destaques são Central, de Tatiana Sanger, (vencedor na categoria melhor documentário no Festival Festin - Lisboa/Portugal Língua Portuguesa) e Cine Camelô, de Clarice Knoll (selecionado para o 28º Interfilm International Short Film Festival Berlin e integrante da Seleção Oficial - 61º Melbourne International Film Festival).

 

Dentre as obras programadas, também estão o documentário Juizados.doc: um olhar sobre a violência de gênero e as práticas institucionais, de Cristiane Brandão e José Eduardo Acevedo, que aborda os juizados da violência doméstica e familiar contra a mulher, instituições do Poder Judiciário com competência para processar e julgar os casos da Lei Maria da Penha.

Confira os filmes que serão exibidos: Lista de filmes da Mostra Independente 2016

 

Sobre o Cine Matilha 

Sala de Cinema independente e sem fins lucrativo localizada no 3º andar da Matilha Cultural.

Possui 68 lugares e acesso para cadeirantes.

Única sala de cinema da cidade onde a entrada de cães é permitida em todas as sessões.

 

Informações para a Imprensa

Patrícia Rabello e Andréa Antonacci

emails: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Fones: (11) 98196-9290/98276-9622

Read more...

Brazilian Film Series chega ao 2º ano no Espaço Itaú de Cinema e agora também no Cine Matilha

  • Published in Cinema

 

Pelo segundo ano consecutivo, o Espaço Itaú de Cinema - Augusta exibe gratuitamente, a partir do próximo dia 24, sete longas-metragens na Edição de São Paulo da MOSTRA VII: Brazilian Film Series. A novidade deste ano é que simultaneamente a essas apresentações, que vão até o dia 30, o Cine Matilha, na região central da cidade, irá exibir também sessões de curtas-metragens.

 

Ao participar da MOSTRA, o público terá oportunidade de assistir grandes produções nacionais como “Nise – O Coração da Loucura”, “Califórnia”, “Encantados”, “Samba & Jazz”, “Paratodos”, “Pó da Terra” e “Campos Grande”. Entre os curtas teremos 12 filmes de ficção e documentários: “O Caçador”, “Quem matou Eloá”, “Bá”, “A Pedra”, “Buritizal Mágico”, “Kbela”, “Nome” e “Capital da Fé” são alguns deles. (Veja programação completa abaixo).

 

“Encantados” abre a MOSTRA VII e “Califórnia” encerra o evento

 

Como aconteceu na abertura da MOSTRA VII: Brazilian Film Series, no último dia 30 de outubro, na cidade de Chicago (EUA), o filme “Encantados”, da diretora Tizuka Yamasaki, também abrirá o evento no Espaço Itaú de Cinema, na capital paulista. O longa-metragem traz a história de uma jovem que é levada contra a vontade para uma ilha e onde vive fantasias ao lado de seres místicos.

 Já no encerramento da MOSTRA, no dia 30 de novembro, será apresentada a obra da diretora Marina Person, “Califórnia”, que é ambientada no ano de 1984, quando uma adolescente espera encontrar o seu tio e “herói” numa viagem à cidade da Califórnia. No entanto, tudo se desmorona quando ele volta ao Brasil. A referência da adolescente está magra, fraca e doente.

 

Este ano, de acordo com a brasileira Ariani Friedl, fundadora e diretora da MOSTRA Brazilian Film Series, que participará do evento em São Paulo, “o papel das mulheres no local de trabalho e como agentes de mudança nunca foi um tema tão relevante (como agora)”. Esta percepção de Ariani está presente na escolha do filme “Do Pó da Terra”. Trata-se de um documentário dirigido por Maurício Hahas, que retrata a participação autônoma das mulheres na produção de obras cerâmicas, que transforma aglomerados de terra em verdadeiros mundos de fantasia, no Vale do Jequitinhonha.

 

“Paratodos” e “Samba & Jazz”

 

Coordenador da Edição São Paulo da MOSTRA VII: Brazilian Film Series, o jornalista e produtor cultural Luiz Oliveira chamou a atenção para a presença de dois documentários nacionais que serão exibidos no evento: “Paratodos”, de Marcelo Mesquita, e “Samba e Jazz”, de Jefferson Mello.

 “Paratodos” aproveita os holofotes lançados sobre a cidade do Rio, com a realização dos Jogos Paralímpicos, este ano, para chamar a atenção à prática esportiva de alto rendimento por pessoas com deficiências. O filme desnuda a figura do paratleta ao fugir da figura do herói e mostrar sua capacidade de adaptação, competitividade e necessidade de inclusão.

 

“Samba & Jazz”, de acordo com Luiz Oliveira, é um belíssimo documentário que mostra as similaridades e riquezas culturais dos ritmos nascidos nas cidades do Rio de Janeiro e New Orleans (EUA).

 

A MOSTRA Brazilian Film Series é uma iniciativa da brasileira Ariani Friedl, radicada há mais de 40 anos em Chicago, nos Estados Unidos (EUA), para divulgação das produções cinematográficas do nosso País junto ao público universitário estadunidense.

 

O evento, que este ano está em sua sétima edição, é também apresentado em Chicago e em cidades do meio oeste dos EUA. A iniciativa conta com o apoio de realização da Partners of the Americas, uma organização sem fins lucrativos, que tem como proposta conectar as pessoas nas Américas através de projetos nas áreas de Artes e Cultura, Liderança Jovem, Responsabilidade Social, Sustentabilidade, Negócios, Planejamento e Desenvolvimento Urbano e Saúde.

 

A seguir, a programação completa da MOSTRA VII: Brazilian Film Series - Edição São Paulo:

 

 

ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA - AUGUSTA

Rua Augusta, 1470/1475. Horário: 19h e 30m, com entrada gratuita e retirada dos ingressos na bilheteria, a partir das 18h e 30m.

 

DIA 24/11 (Abertura)

“ENCANTADOS”

2014 | 78 min | Drama | Diretor: Tizuka Yamasaki

Classificação indicativa: 12 anos

 

*DIA 25/11

“NISE: O CORAÇÃO DA LOUCURA”
2015 | 108 min | Drama | Diretor: Roberto Beliner

Classificação indicativa: 12 anos

 

DIA 26/11

“SAMBA & JAZZ”

2014 | 90 min | Documentário | Diretor: Jefferson Mello

Classificação indicativa: livre

 

DIA 27/11

“CAMPO GRANDE”

2015 | 109 min | Drama | Diretor: Sandra Kogut

Classificação indicativa: 10 anos

 

*DIA 28/11

“PARATODOS”

2016 | 106 min | Documentário | Diretor: Marcelo Mesquita

Classificação indicativa: 10 anos

 

*DIA 29/11

“DO PÓ DA TERRA”

2016 | 80 min | Documentário | Diretor: Maurício Nahas

Classificação indicativa: livre

 

*DIA 30/11

“CALIFÓRNIA”

2015 | 90 min | Drama | Diretor: Marina Person

Classificação indicativa: 14 anos

 

*Bate-papo entre convidados e público após a sessão.

 

CINE MATILHA

Rua Rego Freitas, 542 - região central da cidade. Entrada Gratuita.

 

DIA 25/11

16h – PROGRAMA CURTAS 1 (92 min)

“Buritizal Mágico” | 2016 | 4 min | Diretora: Katherina Tsirakis

“A Pedra” | 2015 | 17 min | Diretora: Adriana Rodrigues

“Considerações Sobre Fumaça e Musgo” | 2015 | 10 min | Diretor: Artur Miranda

“Nome” | 2015 | 14 min | Diretor: Franthiesco Ballerini

“O que Teria Acontecido ou Não Naquela Calma e Misteriosa Tarde de Domingo no Jardim Zoológico” | 2016 | 15 min | Diretores: Allan Souza Lima e Gugu Sippi

“Bá” | 2015 | 14 min | Diretor: Leandro Tadashi

“Caçador” | 2014 | 18 min | Diretores: Rafael Duarte e Taísa Ennes Marques

 

18h – PROGRAMA CURTAS 2 (107 min)

“Capital da Fé” | 2014 | 21 min | Diretores: Gabriel Santos e Renan Silbar

“3P” | 2013 | 26 min | Diretor: Rafael Terpins

“Meninos e Reis” | 2016 | 16 min | Diretora: Gabriela Romeu

“Quem Matou Eloá?” | 2015 | 24 min | Diretora: Lívia Perez

“Kbela”| 2015 | 20 min | Diretora: Yasmin Thayná

 

20h – “ENCANTADOS” | 2014 | 78 min | Drama | Diretor: Tizuka Yamasaki

Classificação indicativa: 12 anos

 

DIA 26/11

14h - PROGRAMA CURTAS 2 (107 min)

 

19h - “PARATODOS” | 2016 | 106 min | Documentário | Diretor: Marcelo Mesquita

Classificação indicativa: 10 anos

 

DIA 27/11

18h - PROGRAMA CURTAS 1 (92 min)

 

20h – “SAMBA & JAZZ” | 2014 | 90 min | Documentário | Diretor: Jefferson Mello

Classificação indicativa: livre

 

DIA 29/11

16h – “CALIFÓRNIA” | 2015 | 90 min | Drama | Diretora: Marina Person

Classificação indicativa: 14 anos

 

18h - PROGRAMA CURTAS 1 (92 min)

 

20h – “NISE: O CORAÇÃO DA LOUCURA” | 2015 | 108 min | Drama | Diretor: Roberto Beliner

Classificação indicativa: 12 anos

 

DIA 30/11

16h – “CAMPO GRANDE” | 2015 | 109 min | Drama | Diretor: Sandra Kogut

Classificação indicativa: 10 anos

 

18h - PROGRAMA CURTAS 2 (107 min)

 

20h – “DO PÓ DA TERRA” | 2016 | 80 min | Documentário | Diretor: Maurício Nahas

Classificação indicativa: livre

 

Read more...

Exibição do filme O ÓDIO no Cine Matilha

  • Published in Cinema

Obra emblemática da década de 1990 retrata a violência policial nos subúrbios será exibida gratuitamente no Cine Matilha

 

O Cine Matilha exibe de 20 a 23 de outubro (horários abaixo) a produção cinematográfica O Ódio, que tem no elenco o ator Vincent Cassel e é dirigida porMathieu Kassovitz.

    

A obra traz a história do judeu Vinz (Vincent Cassel), do árabe Saïd (Saïd Taghmaoui) e o pugilista Hubert (Hubert Koundé). Eles vivem no subúrbio de Paris e encaram diariamente a discriminação e os abusos da polícia. Durante mais um dos corriqueiros confrontos com as forças da lei, Vinz encontra uma arma e jura assassinar um policial caso seu amigo Abdel (Abdel Ahmed Ghili), espancado em interrogatório, morra em decorrência dos ferimentos. A sessão de quinta-feira, 20 de outubro, será seguida de debate Juventude: ontem, hoje e amanhã, evento realizado em parceria com o Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária).

 

O debate terá presença da educadora social Marília Rovaron, mestranda em Ciências Sociais pela Unesp há dez anos desenvolve atividades profissionais na área da educação e atualmente responde pela coordenação técnica do projeto Educação com Arte, desenvolvido pelo Cenpec em parceria com a Fundação CASA, cujo objetivo é executar oficinas de arte e cultura para adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa em regime de internação.

 

Horários de exibição

Quinta-feira (20/10) 19h Sessão seguida de debate

Sexta-feira (21/10)

Sábado (22/10): 19h30

Domingo (23/10): 19h

 

 

Ficha técnica

Título original La Haine

Data de lançamento 1 de dezembro de 1995 (1h35min)

Direção: Mathieu Kassovitz

Elenco: Vincent Cassel, Hubert Koundé, Saïd Taghmaoui mais

Gênero: Drama

Nacionalidade: França

Read more...

Documentário Em Busca de Propósito no Cine Matilha

  • Published in Cinema

Brasil TomorrowAmani Institute e Aporé os convidam para uma Sessão no CINE MATILHA.

Documentário: Em Busca de Propósito 
(Nathanaël Coste, Marc de la Ménardière, 2015, Francês, 87min) 

Filme participativo e cidadão financiado por 963 pessoas

Este documentário francês (En quête de sens, 2015), propõe um amplo questionamento sobre nossas visões de mundo, como por exemplo, qual a nossa responsabilidade enquanto cidadão em relação ao nosso padrão de consumo? Por que estamos aqui vivos, compartilhando um mesmo mundo?


LEGENDADO
EVENTO GRATUITO
VAGAS LIMITADAS

Read more...
Subscribe to this RSS feed